sexta-feira, 10 de março de 2017

ARTESANATO EM MADEIRA - 2ª PARTE - A ARTE DA RECICLAGEM 3






Madeira de demolição


Continuando nossa conversa sobre a arte da reciclagem em madeira, neste post vamos abordar a utilização de madeira de demolição na confecção das mais variadas peças, desde simples bancos a mesas, camas, armários, molduras, etc. 

Como já dissemos, a criatividade não tem limites e nossos artesãos utilizam todo tipo de madeira de demolição em suas criações.


Vale lembrar que madeiras de demolição, principalmente de construções mais antigas, apresentam geralmente alta qualidade. São madeiras mais nobres e resistentes, de um tempo no qual ainda não existia tanta preocupação com o desmatamento e com a preservação de áreas de florestas naturais.

Madeiramento de telhados, assoalhos, forros, portas, batentes e até mesmo "dormentes" de estradas de ferro estão entre as matérias primas preferidas daqueles que trabalham com madeiras de demolição.

Existem empresas especializadas em vendas deste material. Em geral, são empresas que oferecem serviços de demolição em troca dos materiais retirados, que não é só madeira, mas tudo o que se pode reaproveitar destas construções antigas.

Mas como nosso foco é madeira, é disso que vamos tratar. A seguir, várias peças artesanais, obtidas com madeira de demolição:


 





Peças com alto grau de dificuldade em suas confecções, o que as tornam requintadas e luxuosas.

Alcançam preço elevado no mercado e, muitas vezes, as madeiras são obtidas gratuitamente em montes de entulho e caçambas.

Mas o que vale e conta aqui é a criatividade e o esmero na fabricação destes móveis.


Apenas para mostrar a grande diversidade que se pode obter em móveis de demolição, compartilhamos abaixo um vídeo do Programa Art et Decór, apresentando uma loja especializada na fabricação e vendas deste tipo de mobiliário. Não se trata, é claro, de artesanato, mas a ideia é dar uma visão geral da variedade de estilos.




No campo artesanal, são raros os artesãos que se dispõe a mostrar seu trabalho em vídeos no Youtube. A grande maioria dos vídeos são de empresas, o que foge aos nossos objetivos. Mas, encontramos um mineiro de Poços de Caldas que "não esconde o leite" e mostra seus trabalhos em inúmeros vídeos. Compartilhamos dois deles, mas vocês podem acessar todos os trabalhos postados pelo Amarildo em seu canal, no endereço abaixo:


Seguem os vídeos:






Como se pode ver, não é bicho de sete cabeças, mas requer certa habilidade no manuseio de ferramentas. Em seus vídeos, Amarildo sempre traz dicas importantes para que quer se aventurar nessa atividade, que oferece um campo interessante para quem quiser fazer dessa arte uma fonte de renda alternativa.

Coincidentemente, quando terminávamos este post, recebemos a notificação de um vídeo postado pelo Rodrigo Pioto da Marcenaria Amadora, com o título de "Suporte rústico para garrafas de vinho". Não falava em reciclagem, mas assistir o vídeo foi uma bela surpresa, pois ele utiliza uma peça de peroba aparelhada de quase 20 cm de cada lado, lembrando muito um dormente de ferrovia. Pelo estado da madeira, percebe-se que é uma peça antiga. Mais interessante ainda foi o formato escolhido para fazer a peça, com o corte realizado com serrote japonês e furos passantes de quase 8 cm. Um trabalho interessante, bonito e original. Marcenaria Amadora é um canal destinado aos hobistas, com vários projetos de gabaritos e de peças de pequeno porte e possui um site, onde, além de artigos, o Rodrigo publica seus projetos, com esquemas, desenhos e medidas e com animação em 3D. Segue o endereço do site:


Segue também o link do canal para aqueles que desejarem visitar e se inscreverem:



E compartilhamos a seguir o vídeo do "Suporte rústico para garrafas de vinho":  

 

Até mais...  






sexta-feira, 3 de março de 2017

ARTESANATO EM MADEIRA - 2ª PARTE - A ARTE DA RECICLAGEM 2

Reciclar com pallets - A "febre" do momento.



Como prometemos no último post, vamos tratar agora da "febre" do momento. A utilização de pallets e embalagens de madeira na confecção de móveis. Com muita criatividade, muita coisa bonita vem sendo feita por aqueles que se dedicam a esta atividade. Já existem atelies especializados em trabalhos apenas com pallets e com ótimos resultados.  


Embora se generalize como "uso de pallets", na verdade, muita gente inclui em suas produções a reciclagem de embalagens de madeira e caixotes de frutas e legumes. Especialmente embalagens industriais de grandes máquinas e equipamentos, descartadas pelas empresas compradoras, são uma excelente fonte de matéria prima para estes artesãos.

Vamos ver algumas imagens destas obras e depois vamos falando um pouco mais sobre esta atividade:


Nesta cama, a imaginação do autor foi além da utilização de pallets. A iluminação dentro do estrado deu um efeito muito interessante, sem contar que as sobras laterais servem de criados mudos. 

Imaginem alguma coisa similar em quartos de crianças que não gostam ou não conseguem dormir na escuridão total.













Aqui, dois biombos muito simples para separar ambientes. O detalhe dos quadros deu um toque muito bonito. Percebe-se o uso de quatro peças de pallets, com a fixação entre eles com réguas (sarrafos) laterais. A fixação de um rack, também feito com paletts, na parte inferior seria uma boa ideia para mantê-lo melhor fixado. 

Na imagem abaixo, vemos um belíssimo painel para televisão emoldurado por prateleiras e um rack na parte inferior, totalmente construído com caixotes de feira.





Mais uma cama, só que esta não foi apenas montagem de pallets, mas sim construída com madeira de pallets. E dá para perceber que ficou bem parruda. Nela o autor misturou peças cruas ou envernizadas, com algumas pintadas, dando um toque especial ao móvel.



Peças diversas (mesas, cadeiras, bancos, espreguiçadeiras) para jardins e beiras de piscinas, abusando do colorido, emprestando um ar muito alegre ao ambiente. 
Esta técnica do colorido também vem sendo muita usada em móveis de buffet, principalmente em festas de crianças e adolescentes.  
A criação de sofás encontra um campo vasto na imaginação dos amantes de móveis com pallets. Formas variadas de disposição criam ambientes muito aconchegantes. O uso de assentos e encostos de espuma permite uma ampla gama de variação de cores e modelos. 
Vejam isso! Um beliche todo de pallets com uma bela estante na parte externa, com ótimo aproveitamento do espaço. Como dissemos, basta um pouco de criatividade e boa vontade que peças como essa são facilmente produzidas e, mais importante, com custo reduzido. 

Alguém poderá criticar a qualidade da madeira, que na maioria das vezes é pinho ou, mais raramente, eucalipto.
No entanto, um pouco de cuidado e capricho no acabamento, com seladora, vernizes e tintas de boa qualidade, emprestará uma boa durabilidade a estas peças. Sem esquecer, é claro, de uma manutenção periódica

Ao lado, temos a prova do que estamos falando. Jardins verticais, cachepôs, bancos e deck ao ar livre, ficam muito bonitos. O importante é ter acabamento de boa qualidade. 
Não se pode negar que, se comparados com madeiras de lei, os pallets são menos duráveis. Mas, a diferença de preço e a facilidade de confecção compensam muito. Além da satisfação de ser feito, na mais das vezes, pelo próprio usuário.

Mas não é só isso que o uso de pallets e madeiras de embalagens proporcionam. Mesas, cadeiras, bancos, estantes, adegas, e mais uma infinidade de peças podem ser confeccionadas com este material. E convém lembrar que as peças de uso interno das residências acabam sendo mais duráveis por não estarem expostas ao tempo.


Mais uma grande vantagem nessa arte é que não se requer senão ferramentas usuais manuais e, quando muito, algumas elétricas portáteis, como furadeira, serra tico tico, lixadeira e parafusadeira.

Na nossa página "Gente que faz... arte" aqui no blog (veja guia no cabeçalho), vamos apresentar alguns artesãos que se dedicam a este nicho de reciclagem.

E, para quem quiser aprender a trabalhar com pallets, existem livros, ebooks e cursos digitais muito interessantes. Um curso digital que indicamos pode ser acessado pelo link abaixo ou clicando na imagem ao lado. São mais 100 páginas contendo mais de 200 imagens com textos explicativos em um arquivo PDF. (enviado por e-mail)
Nele são informadas: 
• Ferramentas necessárias
• Pallets existentes no mercado
• Como conseguir os pallets
• Como desmontar e redimensionar o pallets
• Fabricação de: Sofá, Cama, Cabeceira de Cama, Mesinha de Centro, Painel para TV tela plana, Lúminaria, Rack, Cama para Crianças, Suporte para Flores, Bar de Paletes, Deck.
• Espuma para assento e encosto
• Tipos de tecidos (incluído site do fornecedor)
• Como vender o móvel de pallet (custo x venda)
• Venda para outras cidades ou estados
E além disso tudo, ainda um bônus exclusivo: CURSO - MÓVEIS DE PALLETS 2.0, onde você irá aprender a fazer um área para piquenique em um passo a passo completo. Tudo por uma valor bastante acessível e super facilitado. 

Lembrando que somos afiliado deste produto e sua aquisição pelo link do blog estará nos ajudando na manutenção do mesmo e na continuidade desse serviço.

Depois de ler este post, acesse a página "Gente que faz... arte". Vamos apresentar a vocês uma jovem artesã que descobriu na arte da reciclagem de pallets "como viver de hobby.

Grande abraço e... até o próximo post.